quarta-feira, 15 de maio de 2013

HOMENAGEM A CORA

Numa casinha singela
nasceu uma grande mulher,
que de ideias encheu o mundo,
de sutilezas,belezas,
que transformou em riqueza
com o dom da poesia
que em sua alma existia!

Viveu e sofreu sozinha...
lutou como lutam os bravos
desafiou e venceu
as injustiças que a vida
semeou em seu caminho,
até que um dia,morreu!

Seu nome ficou na história,
como a guerreira que foi...
a justiça lhe foi feita,
pois todo mundo se dobra
quando ouve pronunciar
o doce nome de CORA!
 sscoqueiro    15/05/2013

Nenhum comentário:

Postagens populares