quinta-feira, 24 de novembro de 2011

SAUDADES

Quem não sente saudades da infância querida,
da juventude perdida,
de uma paixão mal resolvida?...
Quem não perdeu um amigo nas contingências da vida?...

Quem não sofreu uma dor
por perder um grande amor?...
Quem nunca foi preterido ou se sentiu excluido?
ou algo que desejou e que jamais alcançou?..

Todos tem sua mágoa guardada no coração...
embora estando felizes,elas nunca se vão!
mesmo com a vida que levam
nunca esquecem a frustração...

De algum dia do passado
em que sofreram e choraram...
e mesmo agora, sorridente,sabe que um dia infeliz
marca a vida da gente!

Mas,como tudo no mundo,
um dia vai e outro vem...
deixando sua lembrança, alegre ou triste também,
de dor ou felicidade,seja em qualquer idade!                                                


sscoqueiro    24.11.11

terça-feira, 15 de novembro de 2011

NOITE ESCURA

Na noite escura da vida
sigo somente a pensar...
será que tudo isso existe?
ou sou eu que vivo a cismar?
achando que nada existe
que tudo é só a ilusão
que vivo neste momento
de completa solidão?

A natureza inteirinha
cheia de tanta beleza!
matas,flores,céu azul,
os mares,os passarinhos,
tudo na paz e alegria
e eu, cheio de dores,
sofrendo da descrença os dissabores ,e da falta de carinho...

Quem dera a vida me desse
motivos prá ser feliz
para acreditar em tudo
que a natureza me diz
com sua sabedoria,
sem palavras,e sim com ações
trazendo sua alegria
para o meu triste coração!                                      sscoqueiro   15.11.11


quinta-feira, 10 de novembro de 2011

VIVER SEM TEMOR

Viver,sem temer a morte,
morrer,sem temer a vida,
 o que nos espera é desconhecido.
é como passar atoa pelo mundo, sem fazer o que se quer,
esperando não sei o que,
como se viver fosse algo eterno...

Sem temer o céu,sem temer o inferno,
seguir sem rumo sem preocupação...
o futuro,a Deus pertence,
o passado é esquecido assim que passa,
e não nos resta uma solução
para seguir na direção certa
com o destino seguro pela mão!

E no final,quando chegar a hora,
sair da vida com dignidade,
sorrindo,enquanto os outros choram...
deixando saudades e boas lembranças
dos atos praticados antes
quando a vida era então vibrante,
e não agora,quando já inertes ,
esperando apenas o adeus eterno
seja no céu ou talvez no inferno...

sscoqueiro     30.11.11

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

UM BARQUINHO DE PAPEL

Quero sentir as alegrias da vida
com alguém que eu ame e que me ame também,
olhar o mar e o horizonte... ver o sol se por...
seguir remando num barquinho de papel,
rumo ao desconhecido, sem saber onde chegar...
sem ter que pensar em mais ninguém...

Sentir saudades sem chorar,
ficar alegre sem motivo algum,
desde que esteja sempre ao meu lado
não terei medo de nada,enfrentarei o que vier,
tudo isto farei de bom grado
se ao meu lado estiver!

O mar, tão grande! será nossa casa,
o barquinho nossa alcova,
o sol a nos aquecer dia a fora,
a lua a nos iluminar noite a dentro...
e nosso amor florescendo
a cada dia que passa...
vivendo um sonho impossível
em alto mar, num barquinho de papel
como se os dois estivessem
a viver em pleno céu!

sscoqueiro                                          09.11.11



Postagens populares