domingo, 14 de agosto de 2011

INSENSATEZ

Quando vago a esmo,eu te procuro
te espreito nas esquinas,mesmo sem chances...
estou sempre em tua busca,
embora nunca te alcance
pois sei que existe outra em meu lugar,
...isto já parece até loucura,insanidade,sei lá...
Que feitiço me fez?
Não precisa dizer,eu mesma sei
é tudo culpa da insensatez!

Ah! maldita insensatez...
Por sua causa já passei por tola,
sem amor próprio,sem nexo,sem destino...
Faço loucuras,depois me arrependo,
e continuo os erros repetindo...
com total desfaçatez,
tudo por culpa dessa insensatez!


Queria te esquecer mas não consigo...
digo a mim mesma que isso é desatino,
pois não me amas,não me tens estima,
sei que  tens outra,segue o teu destino...
mas eu insisto nessa devoção,nesse apego,nessa estupidez...
... não tenho forças prá renunciar
é tamanha minha mesquinhez...
Tudo por culpa dessa insensatez!

Quem ama verdadeiramente,só quer ver feliz o ser amado...
e eu,nessa insanidade toda,só procuro a minha felicidade!
esqueço que és mais importante que tudo,
nesta minha vida errante!
Mas,o que me faz tão egoísta,tão desprezível nessa avidez,
deixo de lado meu caráter integro,
tudo por culpa dessa insensatez!

sscoqueiro                   14.08.11



Nenhum comentário:

Postagens populares